sábado, 17 de outubro de 2009

Escolhas

video

Subir e descer escadas, levantar, fazer sempre as mesmas coisas, ouvir sempre os outros falarem que isso e que aquilo, sendo que o isso e o aquilo deles parecem ser sempre muito melhores que o isso e o aquilo que acontece em nosso dia a dia de subir e descer sempre as mesmas escadas e de fazer sempre as mesmas coisas. Pessoas sentem-se bem ao falarem de seus méritos e de suas conquistas, valorizando-os para si e para os outros, pois as palavras ajudam os méritos e as conquistas valerem como um jardim mais verde do que aquele que se avista na casa do vizinho. E as histórias escorrem coloridas e apetitosas, como se faltassem nas nossas aquelas amêndoas em lascas que fizeram toda diferença nas histórias dos outros. Tudo é uma questão de escolhas e teoria é uma coisa, prática é outra. Todos sobem e descem escadas e o que contamos também tem para eles frescor de grama infinitamente mais acolhedora. Nisso aparece este comercial da DDB em parceria com a Volks, mostrando o que aconteceu em Estocolmo, na Suécia, para tentar mudar os hábitos sedentários dos moradores da capital. Acertaram em cheio com a filosofia do Fun Theory da propaganda: assim, sem aquela fixação obsessiva em relação ao que é mais saudavelmente correto, fundamental é saber optar e pretender encontrar a melodia no atalho escolhido, sem fazer um buraco no muro do outro para ver por que o lado de lá é tão mais paradisíaco que o de cá. Pois bem, hoje, com todo esse dilúvio aqui em São Paulo, vou de Mozart; amanhã, se aparecer um solzinho, acho que subirei minhas escadas em companhia da Elis.

2 comentários:

  1. Lindo seu texto. Vcs tiveram realmente um dilúvio aí e nós 170 belíssimas árvores caíram com o vento. Porém árvores são repostas já vidas...
    um abraço

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lia: Bem-vinda! Pois é, com tanta tragédia, fica difícil ouvir as melodiazinhas que cada uma de nossas escadas sugere... Grande abraço.

    ResponderExcluir